Pular para o conteúdo

Diretoria

PRESIDÊNCIA
GABRIEL BEZERRA SANTOS

Natural de Arroio Grande, Rio Grande do Sul, assalariado rural da rizicultura. Foi membro da diretoria executiva do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Arroio Grande ocupando os cargos de Secretário Geral e, posteriormente, Vice-Presidente. Em 2015 assumiu o mandato de Secretário Geral da Federação dos Trabalhadores Assalariados Rurais do Rio Grande do Sul, tendo sido eleito para o cargo de Presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores Assalariados e Assalariadas Rurais (CONTAR) para o mandato de 2019-2023. Concluiu o curso de tecnólogo em Gestão ambiental.

VICE-PRESIDENTE e SEC de FORMAÇÃO E ORGANIZAÇÃO SINDICAL
JOÃO FRANCISCO SALDANHA

Trabalhador assalariados rural, natural do Município de Baraúna/RN, é Presidente da Federação de Trabalhadores Assalariados Rurais do Estado do Rio Grande do Norte. Em 2019 assumiu a pasta de Formação e Organização Sindical da CONTAR para exercício do mandato até 2023.

FINANÇAS E ADMINISTRAÇÃO
GILVAN JOSÉ ANTUNIS

Trabalhador assalariado rural do município de Ribeirão, localizado no Polo Sindical da Zona da Mata Sul de Pernambuco. Entrou para a direção do Sindicato de Trabalhadores Rurais de Ribeirão em de 12 de julho de 1996 como Secretário de Organização e Formação Sindical, e após dois mandatos de 4 anos foi eleito Presidente do Sindicato. Foi eleito diretor de Política Salarial da Fetape no período de 2014 a 2018.

Em maio de2015, com a fundação da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais de Pernambuco – FETAEPE, foi eleito Presidente tendo sido renovado seu mandato no 1º congresso dos/as trabalhadores/as assalariados/as rurais em 2019, para gestão 2019-2023.

Em outubro de 2015 foi eleito para o Conselho Fiscal da Confederação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais – Contar. Em outubro de 2019, foi eleito Secretário de Finanças da Confederação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais – Contar

SEC. GERAL, POLÍTICA SOCIAL, SALARIAL E ASSUNTOS JURÍDICOS
ADÃO DONIZETE DA CRUZ

Nascido no município em 1973 em Itapuranga-GO, e filho de agricultor familiar arrendatário. Aos 17 anos sai de casa pra trabalhar no corte de cana de açúcar, atividade em que permaneceu até 2017 para assumir a Diretoria no Sindicato dos trabalhadores de Itapetininga. Participou da fundação da Federação de Assalariados e Assalariadas Rurais de Goiás – FETAERGO, na qual hoje é Secretário Geral. Em 2019 assumiu a Secretaria Geral da CONTAR, para exercício do mandato até 2023.

GÊNERO E GERAÇÃO
MARIA HELENA DOS SANTOS DOURADO NEVES

Trabalhadora assalariada rural, natural do município de Bataypora/MS. Foi Secretária de Gênero e Geração da Federação de Trabalhadores Assalariados Rurais do Estado do Mato Grosso do Sul – FETTAR/MS, no período de 2017-2021. É presidente do sindicato dos trabalhadores rurais de Eldorado, e também presidente da Federação da FETTAR/MS até 2025. Na CONTAR, foi eleita para o mandato de 2019-2023 estando à frente da Secretaria de Gênero e Geração.

Na composição da CONTAR temos ainda três membros do Conselho Fiscal da entidade.

COMISSÃO NACIONAL DE MULHERES ASSALARIADAS RURAIS
GABRIEL BEZERRA SANTOS

Natural de Arroio Grande, Rio Grande do Sul, assalariado rural da rizicultura. Foi membro da diretoria executiva do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Arroio Grande ocupando os cargos de Secretário Geral e, posteriormente, Vice-Presidente. Em 2015 assumiu o mandato de Secretário Geral da Federação dos Trabalhadores Assalariados Rurais do Rio Grande do Sul, tendo sido eleito para o cargo de Presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores Assalariados e Assalariadas Rurais (CONTAR) para o mandato de 2019-2023. Concluiu o curso de tecnólogo em Gestão ambiental.

COMUNICAÇÃO
O movimento sindical tem uma equipe de comunicação, coordenada pelo jornalista Luiz Henrique Parahyba. A criação de novas ferramentas e a dinâmica do diálogo melhora a relação das entidades com a base sindical do sistema CONTAR.

A participação efetiva nas redes  FACEBOOK, SITE,  YOUTUBE, TWITTER, ANCHOR e SPOTIFY, agora também a rede INSTAGRAM, trouxe uma nova dinâmica de diálogo da entidade. Em todos os canais, temos produções específicas que buscavam atingir o maior número se trabalhadores e trabalhadoras e outros atores sociais importantes para a luta pela melhoria das condições de vida e de trabalho dos assalariados rurais.

Além da produção de materiais específicos para ampliar a participação da Contar nas redes sociais, o planejamento, dentre outras coisas, a produção de materiais específicos que seguem descritos abaixo:

Podcasts – RÁDIO AO VIVO
O primeiro produto foi denominado “Conversando sobre seus direitos” que mensalmente entrega a base diálogos sobre temas ligados às questões políticas e do mundo do trabalho a partir de entrevistas com dirigentes, trabalhadores e especialistas sobre o tema. A produção evoluiu para um PROGRAMA DE RÁDIO ao vivo, aproveitando a plataforma da RÁDIO WEB QUINTAL – e com retransmissão simultânea para mais quatro emissoras – Rádio Web Fetarn (RN), Rádio Comunitária Noroeste (GO), Rádio Comunitária Liberdade-BA e Rádio Comunitária Jequi – MG. O programa tem 30 minutos de duração com três blocos. O PROGRAMA é transmitido no YOUTUBE e FACEBOOK da CONTAR

O  PODMULHER  é uma publicação quinzenal das Mulheres Assalariadas  com publicações no canal spotify – e tem como objetivo principal trabalhador com temas relacionados à situação das assalariadas rurais no campo para fortalecimento da luta das Mulheres. O podcast se torna essencial para o momento da comunicação e para a facilidade do entendimento das lutas e organizações do movimento sindical. Tem linguagem fácil, ágil e com conteúdo dinâmico e distribuído nos principais difusores de áudios.

PRODUÇÃO DE MATERIAIS ESPECIAIS E VÍDEOS
A necessidade de conteúdos mais densos e formativos para auxiliar na organização da base, fez com que constasse no planejamento a produção de um material jornalístico mensal, com textos, fotos e áudio (multimídia), sobre temas relevantes (trabalho escravo, relação de trabalho, negociações salariais e vida dos assalariados e assalariadas rurais);

Nós marcamos posição em temas centrais para nossa categoria, como a produção de vídeos temáticos – SEGURANÇA E SAÚDE, DATAS COMEMORATIVAS e ASSUNTOS DA PAUTA NACIONAL. As publicações são disponibilizadas nos canais da CONTAR e também distribuídos nas plataformas de mensagens instantâneas. vídeo  é uma grande ferramenta, de fácil acesso e de boa aceitação na base sindical e nas direções das entidades;

A elaboração de materiais para as redes sociais, prevista no planejamento, mostrou-se bastante eficaz, sobretudo facilitando a comunicação e aumentando a atratividade dos demais produtos nos grupos de mensagens instantâneas. Com linguagem simples e direta, ilustração e texto informativo, os CARDs tem obtido um ótimo alcance na base sindical.

MONITORAMENTO DAS REDES REPUBLICAÇÃO DE MATÉRIAS
Semanalmente a CONTAR entrega aos seus dirigentes o  CLIPPING com distribuição de materiais que interessam diretamente as assalariados e assalariadas, publicados pelos parceiros e organizações, são  republicadas, e repaginadas  nas nossas redes.

A equipe de comunicação está em construção com as demais federações e parceria com a CONTAG, para a construção de uma REDE DE COMUNICADORES, para dinamizar e padronizar a linguagem e mobilização das entidade.